/> Solidariedade pode ajudar muitas pessoas - JB NOTÍCIAS

DESTAQUES

Tecnologia do Blogger.

ELEIÇÕES 2020

GIRO POLICIAL

BOM CONSELHO

COVID 19

FATOS E FOTOS

ECONOMIA

EDUCAÇÃO

SAÚDE

SERVIÇOS

TURISMO

MEIO AMBIENTE

COLUNA ENSAIO GERAL

COLUNA OPINIÃO

COLUNA VLV ADVOGADOS

» » » Solidariedade pode ajudar muitas pessoas

*Por Alexandte Piúta

Milhões de pessoas no país estão nas suas casas, numa demonstração de apoio da população às medidas para tentar diminuir os impactos da pandemia no país. Esse período tem sido de muitas demonstrações de solidariedade. E, é sobre isso a nossa conversa hoje.

Estão nas suas casas mais de 38 milhões de pessoas que não têm emprego formal. Numa cidade como Bom Conselho são milhares de pessoas sem carteira assinada ou contrato de trabalho. Para estes, quando o governo decidir pagar, serão R$ 600. O que é muito pouco, se comparado com média nacional de ganho desse pessoal R$ 1.400,00. Ou ao valor médio da cidade não passa do salário mínimo.

A responsabilidade de prover essas pessoas, não tenho dúvida, é do governo. Mas, enquanto não muda esse quadro, nós podemos fazer pequenas ações que representam muito para essas pessoas. A síntese é: solidariedade. E como podemos fazer isso?

Quem de nós não tem um “faz tudo”? Quebrou a lâmpada, chama o “faz tudo”; a torneira vazou, chama ele, ih, entupiu o cano, chamo ele. Então, é desse “faz tudo” que quero falar. Aquela pessoa que responde prontamente os nossos chamados o João eletricista, encanador, pintor, pedreiro, bombeiro, cabeleireiro, manicure, diarista, lavador de carro, vendedor ambulante e muitos outros.

Essas pessoas precisam de nós agora. Então, vamos ajudar? A ação é simples e depende de cada um de nós. Uma ideia é antecipar serviços. A dona de casa 50% de um corte de cabelo, o dono de casa antecipa 5% da pintura da casa que planeja para o fim do ano, ao dono bar vamos antecipar a compra de 5 cervejas. Quando tudo voltar ao normal, o ajuste se dará da mesma forma, em parcelas de descontos a cada solicitação de um desses serviços, é um pouco parecido como faziam nossos avós que adiantavam a diária, a compra de produtos.

O momento é de dificuldade, mas muitos estão em situação bem pior. Pessoas que gostamos e nos atendem quando precisamos estão precisando de nós nesse momento.

«
Anterior
Postagem mais recente
»
Próximo
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe sua opinião sobre essa matéria: