/> JB NOTÍCIAS: saneamento básico

DESTAQUES

Tecnologia do Blogger.

ELEIÇÕES 2020

GIRO POLICIAL

BOM CONSELHO

COVID 19

FATOS E FOTOS

ECONOMIA

EDUCAÇÃO

SAÚDE

SERVIÇOS

TURISMO

MEIO AMBIENTE

COLUNA ENSAIO GERAL

COLUNA OPINIÃO

COLUNA VLV ADVOGADOS

Sete estados recebem aporte federal de R$ 10,1 milhões para obras de saneamento básico


Para ajudar na ampliação das ações de saneamento básico, o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) repassa mais de R$ 10 milhões a sete estados brasileiros. Os beneficiados são Goiás, Minas Gerais, Pará, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. 

As verbas devem ser destinadas a obras de abastecimento de água, esgotamento sanitário e manejo de águas pluviais. Os estados e os municípios serão os responsáveis pelas intervenções. Os pagamentos são feitos de acordo com a execução dos serviços.

Saneamento básico: “2033 é uma data muito otimista”, afirma presidente do Trata Brasil sobre universalização dos serviços de água e esgoto. Município de Estiva (MG) é condenado a pagar R$ 50 mil pela falta de saneamento básico. São Paulo é o estado que concentra, até o momento, o maior volume de recursos repassados. Ao todo, a Unidade da Federação recebeu R$ 7,7 milhões divididos para iniciativas em quatro municípios.

No Sul do país, a capital do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, receberá R$ 741 mil para a ampliação do sistema de macrodrenagem da Bacia do Arroio da Areia, com a implantação de reservatórios de detenção. Já a cidade catarinense de Joinville contará com R$ 90 mil para obras de implantação de bacias coletoras de esgoto no município.

Segundo o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, toda semana são disponibilizados recursos que serão investidos em obras como essas. O titular da Pasta afirma que projetos assim são “essenciais à qualidade de vida da população”. O aporte, segundo ele, “também contribui para a geração e manutenção de empregos nesse período de pandemia”.

Fonte: Brasil 61

Municípios de sete estados vão receber recursos do governo federal para obras de saneamento básico


O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) vai repassar mais R$ 11,4 milhões para a continuidade das obras de saneamento básico em municípios de sete estados.

Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Santa Catarina, Sergipe e São Paulo vão poder usar os recursos em ações de abastecimento de água, esgotamento sanitário, saneamento integrado, manejo de águas pluviais e realização de estudos e projetos. Segundo o chefe da pasta, Rogério Marinho, as obras são importantes para aquecer a economia em meio à pandemia da Covid-19.

O município sergipano de Lagarto vai receber o maior volume de verba: cerca de R$ 3,2 milhões, que serão usados para ampliar o sistema integrado de abastecimento de água da Adutora do Piauitinga. Em seguida, vem Sertãozinho (SP), que vai receber R$ 2,9 milhões para investir em obras de drenagem urbana sustentável no Córrego Sul.

O MDR já repassou R$ 252,8 milhões este ano para empreendimentos de saneamento básico pelo país.

brasil61