/> Governo de Pernambuco anuncia retomada do turismo em Noronha - JB NOTÍCIAS

DESTAQUES

Tecnologia do Blogger.

ELEIÇÕES 2020

GIRO POLICIAL

BOM CONSELHO

COVID 19

FATOS E FOTOS

ECONOMIA

EDUCAÇÃO

SAÚDE

SERVIÇOS

TURISMO

MEIO AMBIENTE

COLUNA ENSAIO GERAL

COLUNA OPINIÃO

COLUNA VLV ADVOGADOS

» » » Governo de Pernambuco anuncia retomada do turismo em Noronha


Depois de cinco meses do fechamento da ilha de Fernando de Noronha para o turismo conta da pandemia do coronavírus, o Governo de Pernambuco anunciou nesta quinta-feira (27) a reabertura, de forma gradual, para visitantes, a partir do próximo dia 1º de setembro. Devido ao risco de uma nova onda de contágio no arquipélago, a retomada do setor será por etapas. No primeiro momento, apenas pessoas que já tiveram o Covid-19 vão poder desembarcar no arquipélago.

A comprovação de que o turista já teve a doença será feita durante o processo de pagamento da Taxa de Preservação Ambiental (TPA), que agora só poderá ser feito online, pelo site https://www.sounoronha.com. O pagamento precisa ser feito com um prazo de até 72 horas antes do embarque. Anexado ao pagamento, o turista vai precisar enviar o resultado do exame confirmando que já teve a Covid-19. Serão aceitos dois tipos de resultados: O IgG positivo (sorológico), com exame realizado pelos métodos de quimioluminescência, eletroquimioluminescência ou Elisa imunoensaio, com menos de 90 dias da data do embarque. E o RT-PCR positivo (exame de nariz e garganta), com mais de 20 dias da data do embarque. Testes rápidos não serão aceitos.

“Estamos dando início às flexibilizações da reabertura do turismo de Fernando de Noronha, sempre com responsabilidade, cautela e sem pressa. Seguindo com protocolos que mantenham com segurança a saúde da comunidade noronhense e dos pernambucanos que vivem lá. A pressa é inimiga da vida. A gente preza pela vida das pessoas da comunidade noronhense que estão lutando, se sacrificando, sobrevivendo e respeitando todas as regras desde o início da pandemia. E assim nós vamos continuar. Não podemos fazer tudo ao mesmo tempo, mas podemos gradativamente ir flexibilizando, respeitando os protocolos e retomando a rotina, mas dessa vez com o novo normal. As próximas etapas serão estudadas para que a gente possa dar mais notícias boas para a população da ilha e ao turismo noronhense”, falou Guilherme Rocha, administrador de Fernando de Noronha.

Noronha foi fechada para visitantes no dia 21 de março, e no dia 5 de abril moradores que estavam no continente também não puderam mais entrar. O retorno dos moradores que estavam no continente só votou a ser permitido a partir do dia 13 de junho, primeiro em voos quinzenais e depois semanais, seguindo um protocolo estabelecido pelas autoridades de saúde. Assim que desembarcam, os passageiros recebem uma pulseira de identificação que só deve ser removida pela equipe de vigilância em saúde no fim da quarentena ou quando sair o resultado do segundo teste, realizado na ilha, confirmando a ausência do vírus. Antes do embarque, todos devem apresentar resultado negativo em exame feito no continente, na semana da viagem.

«
Anterior
Postagem mais recente
»
Próximo
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe sua opinião sobre essa matéria: