/> Educação: Volta às aulas em Pernambuco ainda é incerta - JB NOTÍCIAS

DESTAQUES

Tecnologia do Blogger.

ELEIÇÕES 2020

GIRO POLICIAL

BOM CONSELHO

COVID 19

FATOS E FOTOS

ECONOMIA

EDUCAÇÃO

SAÚDE

SERVIÇOS

TURISMO

MEIO AMBIENTE

COLUNA ENSAIO GERAL

COLUNA OPINIÃO

COLUNA VLV ADVOGADOS

» » » » Educação: Volta às aulas em Pernambuco ainda é incerta


A Associação Municipalista de Pernambuco (AMUPE) realizou assembleia virtual na última segunda-feira, dia 3, para tratar sobre a retomada do ensino presencial no Estado, com a participação do governador Paulo Câmara (PSB), do secretários estaduais André Longo (Saúde) e Fred Amâncio (Educação) e vários Prefeitos Pernambucanos.

Na ocasião, os Prefeitos demonstraram preocupação retomada e concordaram ao defender que ela não ocorra ainda neste ano. No último dia 31 de julho, o governo de Pernambuco prorrogou pela quarta vez a suspensão das aulas presenciais em colégios, universidades e faculdades públicas do Estado até 15 de agosto. Apesar da indefinição da data de retomada, já foi criado um protocolo a ser adotado pelas instituições de ensino quando ela ocorrer. O protocolo prevê regras de distanciamento social, proteção e monitoramento.


O Governador e os Secretários apresentaram o planejamento do Governo Estadual para a volta às aulas. Mas fizeram também um alerta sobre a situação do Novo Coronavírus (COVID-19) nas diferentes regiões do Estado, o que causou preocupação dos Gestores Municipais sobre a volta às aulas.

"A gente só vai retomar com as aulas se os números epidemiológicos continuarem evoluindo de maneira positiva. A educação tem um papel importante na sociedade, pois quanto mais tempo os alunos estão fora da escola, mais cresce a desigualdade. Estimamos um aumento da evasão escolar e será um desafio grande trazer os alunos de volta", disse o secretário de Educação do Estado, Fred Amâncio.

Do JC Online


«
Anterior
Postagem mais recente
»
Próximo
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe sua opinião sobre essa matéria: