DESTAQUES

Tecnologia do Blogger.

ELEIÇÕES 2020

GIRO POLICIAL

BOM CONSELHO

COVID 19

FATOS E FOTOS

ECONOMIA

EDUCAÇÃO

SAÚDE

SERVIÇOS

TURISMO

MEIO AMBIENTE

COLUNA ENSAIO GERAL

COLUNA OPINIÃO

COLUNA VLV ADVOGADOS

» » » » Governo determina jogos sem público em PE, e Santa Cruz x Decisão terá portões fechados


Após a confirmação de cinco novos casos de coronavírus, o governo de Pernambuco determinou neste sábado que os jogos de futebol no estado, se não forem adiados, deverão ser disputados com portões fechados. A decisão já passa a valer para o duelo deste domingo entre Santa Cruz x Decisão, no Arruda, pelo Estadual - que inicialmente teria torcida.

- Por conta dessa transmissão local, desse caso que surgiu hoje, estamos determinando também a suspensão de eventos de qualquer natureza com público acima de 500 pessoas. Isso nesse primeiro momento. Estamos avaliando a cada momento, a cada hora, se necessário e a cada dia. Já temos uma série de reuniões no dia de hoje e amanhã vamos continuar com novas reuniões com instituições, como o poder judiciário, assembleia legislativa, ministério público. Vão se reunir conosco para outras ações que vão ser tratadas - anunciou o Governador de Pernambuco, Paulo Câmara.


O decreto do governo suspende qualquer evento público em Pernambuco que reúna mais de 500 pessoas. Além disso, jogos de futebol devem ser disputados sem público. A princípio, Santa Cruz x Decisão não será adiado, mas terá que ser jogado de portões fechados. A determinação não vale para Náutico x Fortaleza, neste sábado, pela Copa do Nordeste.

- Hoje (sábado) o jogo Náutico x Fortaleza acontecerá normalmente. A partir de amanhã (domingo) tem Santa Cruz x Decisão com portões fechados. A partir de amanhã (domingo), portões fechados, jogo sem torcida, sem público - acrescentou o secretário de turismo, Rodrigo Novaes. 


Questionado se há algum prazo para o decreto do governo do estado, o secretário de turismo, Rodrigo Novaes, disse que a determinação valerá enquanto valer o estado de emergência, mas não falou em datas.

- A gente teria extraordinário por conta do vírus o espetáculo da Paixão de Cristo sendo encenado somente o mês de setembro. Providências necessárias, assim como acontece em relação ao jogo de futebol, que acontecerá a partir de amanhã com portões fechados, sem público. E os eventos que são considerados eventos de massa acima de 500 pessoas, públicos e privados, estão determinados a não acontecerem. A princípio enquanto durar o estado de emergência, mas isso passará por avaliação permanente.




«
Anterior
Postagem mais recente
»
Próximo
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe sua opinião sobre essa matéria: