Tecnologia do Blogger.

DESTAQUES

VÍDEOS DO YOUTUBE

POLICIAL

DIVERSOS

SAÚDE

ECONOMIA

ESPORTES

NOVIDADES

EDUCAÇÃO

COLUNISTAS

Água Lucinda
JB Eletrônica
» » Policial civil foi morto após ser reconhecido por criminosos

A Polícia Civil revelou, nesta terça-feira (16), em entrevista coletiva à imprensa, que o agente Aloísio Barbosa foi morto após ser reconhecido como policial pelos criminosos. O crime ocorreu em maio deste ano no conjunto Salvador Lyra, parte alta de Maceió.

De acordo com a Polícia Civil, os criminosos foram ao bar com a intenção de assaltar o local. Quando chegaram, perceberam que Aloísio Barbosa era agente da Segurança Pública e resolveram executá-lo.

“Ele não esboçou nenhuma reação, entregou o celular, a arma, ainda assim foi morto, porque foi reconhecido como policial”, afirmou a delegada responsável pelas investigações Rosemeire Vieira.

Durante a ação criminosa, a vítima ficou esperando o término do assalto com sua arma escondida, presa às costas. Porém, os suspeitos o revistaram e o identificaram como policial e, por esta razão, o executaram.

Acusados no crime, foram presos Fred Luiz da Silva, conhecido como "Da Erva", Edson dos Santos Alves, José Anderson de Lima. Ítalo Rafael dos Santos Lima está foragido e José Anderson foi morto durante troca de tiros com a Polícia. O grupo é acusado de diversos crimes, como assaltos roubos e homicídios.

O agente tinha 31 anos na Polícia Civil de Alagoas. Ele morava em Maceió e trabalhava na Delegacia Regional de Palmeira dos Índios, sob o comando do delegado Alexandre Leite.



«
Anterior
Postagem mais recente
»
Próximo
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe sua opinião sobre essa matéria: