Tecnologia do Blogger.

DESTAQUES

TV WEB JB NOTÍCIAS

POLICIAL

DIVERSOS

SAÚDE

EVENTOS

ESPORTES

NOVIDADES

EDUCAÇÃO

ELEIÇÕES 2018

PREFEITURA

» » » » Apicultura busca saída para seca


Por mais de seis anos, a seca vem castigando Pernambuco. Neste cenário de dificuldades, algumas produções foram drasticamente reduzidas, como é o caso do mel de abelha. No Nordeste, o alimento teve queda de 80% devido à estiagem prolongada. As perdas de enxames foram da ordem de 85% somente em Pernambuco.


Para reverter a situação e conseguir recuperar suas criações, os apicultores estão investindo em técnicas simples de manejo capazes de minimizar o abandono de abelhas das colmeias, já que o inseto necessita de flora para se desenvolver.


Os números que comprovam a crise fazem parte de estudo da Universidade Federal do Ceará e foram apresentados pelo apicultor e engenheiro agrônomo Afonso Odério. “Pernambuco, em todos esses seis anos de seca, caiu tanto em produção de mel quanto na quantidade de enxames. É preciso realizar práticas continuadas, além de se adequar ao ambiente e a seu clima”, explicou o engenheiro, ao complementar que a cidade de Moreilândia, no Sertão do Estado, foi a que menos sofreu perdas devido ao manejo realizado pelos apicultores nos enxames.

«
Anterior
Postagem mais recente
»
Próximo
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe sua opinião sobre essa matéria: