Tecnologia do Blogger.

DESTAQUES

TV WEB JB NOTÍCIAS

POLICIAL

DIVERSOS

SAÚDE

EVENTOS

ESPORTES

NOVIDADES

EDUCAÇÃO

ELEIÇÕES 2018

PREFEITURA

» » Prefeitos pressionam e Garanhuns volta atrás na proibição aos transportes alternativos


Os prefeitos do Agreste Meridional estiveram reunidos na última sexta-feira (27) na Codeam, para a posse da nova diretoria que terá Neide Reino na presidência. Segundo o Blog Capoeiras, de Raimundo Lourenço, por meio de articulação da nova presidente, que representa mais de 40 municípios do Agreste, e a prefeitura de Garanhuns, chegou-se a um acordo, e os veículos que prestam o serviço de Transporte Alternativo Intermunicipal de passageiros continuarão podendo circular na cidade de Garanhuns. A fiscalização e multas iniciariam na quarta-feira (01/02).


O Secretário de Governo de Garanhuns Mewitton Araujo confirmou em nosso grupo do Whastapp a informação, e a suspensão até o retorno do prefeito Izaías Régis, que está nos Estados Unidos. Todos os prefeitos da região já estariam avisados. Não sabemos se Izaías havia autorizado a fiscalização ostensiva, antes de viajar. Mas a repercussão negativa, a polêmica e agora, a participação da CODEAM, fizeram a prefeitura, ao menos, suspender a fiscalização e as multas.

Entenda o caso:


Esta semana, a AMSTT, órgão que disciplina o transito na cidade de Garanhuns emitiu nota informando que os veículos que prestam serviço de Transporte Alternativo de Passageiros entre as cidades da região e Garanhuns, a partir da próxima quarta-feira, 1º/02/2017, estariam proibidos de circular nas ruas da cidade das flores para embarque ou desembarque de passageiros, sob pena de multa no valor de R$ 130,16. Segundo a AMSTT, os veículos  que fazem o TAP só podem ir até o “ponto de parada de cada município”, e a partir dali, o passageiro teria que “pagar” um táxi, mototáxi ou ônibus para se deslocar dentro da cidade. 

«
Anterior
Postagem mais recente
»
Próximo
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe sua opinião sobre essa matéria: