Tecnologia do Blogger.

DESTAQUES

TV WEB JB NOTÍCIAS

POLICIAL

DIVERSOS

SAÚDE

EVENTOS

ESPORTES

NOVIDADES

EDUCAÇÃO

ELEIÇÕES 2018

PREFEITURA

» »Unlabelled » Corpo é achado em matagal. A vítima pode ser a vendedora Vivianny Crisley, desaparecida desde o dia 20 de outubro passado


A Polícia Civil informou, nesta segunda-feira (7), que o corpo encontrado queimado e em estado de decomposição em um matagal na Grande João Pessoa pode ser da vendedora Vivianny Crisley Viana Salvino, 29 anos, desaparecida desde o dia 20 de outubro, em João Pessoa. No local onde o corpo estava, a polícia achou um cartão de crédito e sandálias que seriam de Vivianny Crisley.

Segundo a polícia, o corpo foi localizado após um suspeito preso informar onde o teria abandonado. "Tudo indica que sim, eu não posso dizer com 100% de certeza porque quem vai dizer é a perícia. Cartão de crédito dela e a sandália que ela estava utilizando no dia do desaparecimento foram achados [no local onde estava o corpo]", disse o delegado de Homicídios de João Pessoa, Reinaldo Nóbrega. Além do cartão e das sandálias, a polícia também encontrou roupas queimadas que seriam da vítima. Ainda segundo a polícia, a confirmação de que o corpo é ou não de Vivianny Crisley só vai ser feita após a realização de exames cadavéricos.

Na quinta-feira (3), o secretário de Segurança Pública da Paraíba, Cláudio Lima, afirmou que as investigações estariam "bem adiantadas” e que o caso estava próximo de um desfecho.

O caso

A vendedora está desaparecida desde o dia 20 de outubro após, segundo familiares, sair de uma casa de shows no bairro dos Bancários, em João Pessoa.

Ainda segundo a família, Vivianny Crisley teria ido junto com uma amiga a uma festa em um bar, mas não retornou para casa após ficar na companhia de outras pessoas no local da festa.


Fonte: Portal Correio

«
Anterior
Postagem mais recente
»
Próximo
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe sua opinião sobre essa matéria: