COMANDANTE GERAL DO EXÉRCITO REDOBRA A PRESSÃO SOBRE O STF


Os militares brasileiros definitivamente estão de volta à arena política. Um movimento se iniciou entre aqueles que estão na reserva, os quais vêm ganhando voz junto a grupos de direita e lançando candidaturas para as eleições de outubro deste ano, e teve o auge nesta terça-feira com dois tuítes do general Eduardo Villas Boas, comandante-geral do Exército.

Na véspera do julgamento do habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Villas Boas redobrou a pressão sob o Supremo Tribunal Federal (STF) ao afirmar em seu Twitter que o Exército brasileiro "compartilha o anseio de todos os cidadãos de bem de repúdio à impunidade e de respeito à Constituição, à paz social e à Democracia, bem como se mantém atento às suas missões institucionais". Ele não citou o caso Lula textualmente nem detalhou que missões são essas.

Seja como for, a manifestação do comandante-geral da ativa sobre um assunto que diz respeito à Justiça, algo incomum em democracias, acrescenta um novo e inédito — ao menos nos últimos 30 anos pós-redemocratização —  ingrediente ao furacão político vivido pelo país desde 2013.

Segundos antes, em um primeiro tuíte, Villas Boas também questionou: "Nessa situação que vive o Brasil, resta perguntar às instituições e ao povo quem realmente está pensando no bem do País e das gerações futuras e quem está preocupado apenas com interesses pessoais?" As mensagens do general, que possui 130.000 seguidores e é considerado um grande comunicador, foram curtidas e compartilhadas por milhares de pessoas ao longo da noite desta terça.

EL PAÍS

COMANDANTE GERAL DO EXÉRCITO REDOBRA A PRESSÃO SOBRE O STF COMANDANTE GERAL DO EXÉRCITO REDOBRA A PRESSÃO  SOBRE O STF Reviewed by Josenildo Batista on quarta-feira, abril 04, 2018 Rating: 5

Anuncie Aqui!

JB NOTÍCIAS © Copyright 2017. Tecnologia do Blogger.