BOM CONSELHO: IMÓVEL DO GOVERNO É ALVO DE CONTESTAÇÃO AO DIREITO DE USO


Entenda o caso:

Um prédio construído ás margens da PE – 218, Km 34 – próximo a entrada da cidade pela Rua Manoel Bandeira, no distrito Industrial de Bom Conselho, vem sendo alvo de recentes especulações sobre a legalidade do seu funcionamento atual e os meios adquiridos. Vários boatos se espalharam pela cidade sobre o assunto tirando o sossego das pessoas que são responsáveis pelo local.

A fim de se inteirar dos fatos como realmente procedem, e poder repassar nesta matéria, informações necessárias e verdadeiras, segundo depoimentos colhidos para o entendimento da questão por parte da sociedade bonconselhense, a nossa redação foi a campo e ouviu detalhes importantes os quais iremos descrever abaixo.

Segundo depoimento da senhora Alcione, presidente da Associação dos Remanescentes do Quilombo do Angico de cima, ainda na gestão do ex-prefeito Audálio Ferreira,(2004-2008), o estado construiu o prédio cujo objetivo era o beneficiamento da castanha de caju. Foi uma parceria do governo municipal e governo estadual instituto Xingó e governo federal. Para isso seria necessária a aquisição dos equipamentos para a montagem da fábrica. Equipamento instalado, enquanto aguardavam-se os procedimentos para o seu funcionamento, e o curso que já estava em andamento para qualificar pessoas para trabalhar com o produto, o prédio foi então invadido por vândalos e teve vários equipamentos roubados.

Como se não bastasse, os vândalos começaram a fazer um desmanche do prédio chegando ao ponto de começar a arrancar o forro. Para não ver o local ser totalmente deteriorado por vandalismo, a associação resolveu tomar as devidas providências registrando inicialmente um BO (boletim de ocorrência) na delegacia do município, e em seguida, procurando um meio de utilizar suas dependências para que este não viesse a ser tomado ou até invadido e depredado como anteriormente alguns tentaram fazer.


Como não havia condições em curto prazo de comprar novamente os equipamentos que foram roubados e dar continuidade ao projeto inicial, foi necessário pensar em outra atividade para o local que pudesse mesmo que por outros meios, ajudar aqueles que precisam aprender uma profissão, principalmente os jovens e poder com isso obter uma oportunidade de emprego no futuro. Desse modo, o local foi cedido recentemente para funcionar uma oficina, sem custos ao proprietário, e em troca, seriam realizados cursos de mecânica para os jovens da comunidade. E assim se fez! Estes são os fatos.

 Alcione Cirilo Silva, Presidente da Associação dos Remanescentes Quilombolas do Angico de cima.

BOM CONSELHO: IMÓVEL DO GOVERNO É ALVO DE CONTESTAÇÃO AO DIREITO DE USO BOM CONSELHO: IMÓVEL DO GOVERNO É ALVO DE CONTESTAÇÃO AO DIREITO DE USO Reviewed by Josenildo Batista on quarta-feira, abril 04, 2018 Rating: 5

Anuncie Aqui!

JB NOTÍCIAS © Copyright 2017. Tecnologia do Blogger.