ASTROTUR informa aos seus passageiros que já está em pleno funcionamento os novos horários que atenderão ao festival de inverno de Garanhuns com ônibus saindo da rodoviária de Bom Conselho às 18:40hs com retorno às 05:30hs da manhã. Na compra da sua passagem ida e volta você recebe um desconto promocional e só paga 16,00 reais..... Para quem é estudante, apresentando a carteirinha nacional paga apenas 4.50 ( por passagem para Garanhuns).

FETO HUMANO É ENCONTRADO DENTRO DE POTE EM UMA SACOLA PLÁSTICA


Foi dentro de um pote e enrolado em uma sacola plástica que um feto humano foi encontrado na manhã desta quarta-feira, 22. O achado ocorreu após populares notarem uma mulher jogando uma sacola em uma das ruas do bairro Massaranduba, em Arapiraca, cidade no agreste alagoano, a 120 km de Maceió.

A prática do aborto é considerada crime no Brasil. O ato só é permitido em caso de risco de morte para a gestante; quando a gravidez é resultante de estupro; ou quando o feto é anencéfalo. Contudo, tramita no Congresso Nacional uma Proposta de Emenda Constitucional, número 181, (PEC 181) proposta pela bancada evangélica, que visa a criminalização de todas as formas de aborto no país.

A despeito da legislação, ou até mesmo por causa dela, a Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência. De acordo com o capitão David, da supervisão do 3º BPM, uma guarnição da Radiopatrulha foi deslocada para o local e para tomar as devidas providências.

Os militares encontraram o feto, que teria entre 7 a 8 meses de formação, numa rua de grande movimentação no bairro o que, ainda segundo o supervisor do batalhão, deve facilitar a identificação da mulher que abandonou o feto na rua.

Equipes do Instituto de Criminalísticas e Instituto Médico Legal estiveram no local para os devidos procedimentos.

Alagoas24horas
FETO HUMANO É ENCONTRADO DENTRO DE POTE EM UMA SACOLA PLÁSTICA FETO HUMANO É ENCONTRADO DENTRO DE POTE EM UMA SACOLA PLÁSTICA Reviewed by Josenildo Batista on quarta-feira, novembro 22, 2017 Rating: 5

Anuncie Aqui!

JB NOTÍCIAS © Copyright 2017. Tecnologia do Blogger.