Sargento da PM é preso suspeito de atirar contra advogados após colisão

Um sargento da Polícia Militar de Alagoas foi preso, na noite desse domingo (20), suspeito de tentativa de homicídio contra dois advogados. O caso aconteceu nas proximidades do Hospital Universitário (HU), após o militar colidir seu veículo na traseira do automóvel onde estavam os advogados.

Os advogados, que preferem não se identificar, retornavam de Recife, onde realizaram a prova de um concurso público. Ao passarem por uma lombada, diminuíram a velocidade do veículo e foram surpreendidos com a colisão. O militar alegou não ter culpa da batida e, apesar da tentativa de resolver o problema no local, o sargento tentou fugir, mas foi impedido.

Quando um dos advogados desceu do carro para fotografar a placa do veículo, foi surpreendido com o sargento apontando a pistola em sua direção. O advogado correu e ouviu vários disparos deflagrados contra ele, mas não foi atingido.

O sargento conseguiu fugir, mas, após os advogados acionarem a polícia, ele foi abordado e preso em flagrante. Uma equipe da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) também esteve no local para a realização do teste do bafômetro, no entanto, como o sargento se negou a se submeter ao exame, foi lavrado um Termo de Constatação de Embriaguez (TCE). 

"Quando tudo aconteceu não sabíamos que se tratava de um militar; isso só foi confirmado na Central de Flagrantes, quando ele se identificou. A arma foi apreendida e ele deve responder pelo crime que cometeu. Era visível seu estado de embriaguez", disse o advogado.

Após a ocorrência, o advogado disse que teme pelo que possa acontecer a partir de agora. "Primeiramente, ele deve pagar pelo que fez. Isso que aconteceu não deve ficar impune. No entanto, tenho medo de represálias por parte da polícia, e temo pela minha família. Espero que todas as medidas cabíveis judiciais sejam adotadas e que se cumpra a lei. Ele deve pagar pelo crime que cometeu", completou. 

Ao tomar conhecimento do caso, a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB/AL) determinou o acompanhamento aos advogados pela Comissão de Prerrogativas. Durante a ocorrência, o integrante da comissão, Pedro Accioly, deu suporte aos advogados durante o depoimento que aconteceu na Central de Flagrantes, para onde foram levados.

"A OAB Alagoas deu todo o suporte aos advogados e vai continuar acompanhando de perto todo o caso. Infelizmente essa é mais uma situação envolvendo militares, e casos que se repetem constantemente em nosso estado. A Comissão de Prerrogativas vai cobrar que todas as medidas cabíveis sejam adotadas e que o militar responda pelos crimes que cometeu", disse o membro das Prerrogativas, Pedro Accioly.

Um procedimento administrativo e criminal foi instaurado pela Polícia Militar. Após o depoimento, o sargento foi levado para o Batalhão ao qual pertence, onde permanece detido.

NÃO É A PRIMEIRA VEZ

Este não é o primeiro caso envolvendo militares que praticam abusos de poder contra advogados. Um dos mais recentes, e que inclusive foi encaminhado ao Conselho Estadual de Segurança (Conseg), é referente à conduta de uma tenente da Polícia Militar acusada de atuar de forma brusca contra o diretor de Prerrogativas, Silvio Arruda, caso ocorrido às vésperas das eleições municipais em 2016, na cidade de Palestina, Sertão de Alagoas.

O diretor de Prerrogativas atendia o chamado de um advogado alegando que teve suas prerrogativas violadas. Chegando ao local, a militar que estava à frente da operação agiu de forma altamente desproporcional, truculenta, com violência e abuso. O representante da Ordem chegou a ser encaminhado à delegacia da cidade, onde ficou detido até o dia seguinte.

Há exatamente um mês, o Conseg iniciou a votação para determinar ou não a abertura de Procedimento Administrativo-Disciplinar (PAD) contra a militar. Durante a sessão, o conselheiro-relator votou pela abertura do PAD, acompanhando de mais quatro conselheiros que tiveram o mesmo entendimento. No entanto, a votação foi suspensa devido ao pedido de vistas do presidente do Conseg, Maurício Brêda. A nova sessão está marcada para esta quinta-feira (24).

Silvio Arruda reafirma a conduta absurda da policial e voltou a cobrar uma punição para todos os militares que, ao invés de promover a segurança, praticam abuso de poder. "Este caso envolveu um advogado, mas poderia ser qualquer outro cidadão. São situações que devem ser combatidas e iremos acompanhar para que em todos os casos a punição seja de acordo com o que está previsto na lei. Não podemos permitir que saiam impunes", colocou.

Já a presidente da OAB Alagoas, Fernanda Marinela, voltou a reafirmar o papel da instituição não exclusivamente na defesa da advocacia, mas de toda a sociedade. "Prerrogativas dos advogados são garantias de que eles atuem na defesa dos cidadãos. Essa é nossa principal bandeira e seguiremos defendendo todos aqueles que lutam pela justiça. Somos a voz da sociedade e não iremos nos furtar desse papel. A OAB Alagoas vai seguir acompanhando todos esses casos, cobrando das autoridades competentes que haja uma postura firme com a punição daqueles que praticam abuso de poder. São casos que se repetem e precisam ter fim. Não podemos permitir que aqueles que deveriam defender a sociedade, sejam protagonistas de crimes; eles devem prezar pela segurança de todos e não trazer medo a famílias inteiras. A OAB estará junto para defender a advocacia e a sociedade", finalizou Marinela.

Tnh1
Sargento da PM é preso suspeito de atirar contra advogados após colisão Sargento da PM é preso suspeito de atirar contra advogados após colisão Reviewed by Josenildo Batista on segunda-feira, agosto 21, 2017 Rating: 5

SELEÇÃO EM GARANHUNS E REGIÃO. MANDE SEU CURRÍCULO

SELEÇÃO EM GARANHUNS E REGIÃO. MANDE SEU CURRÍCULO

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM CONSELHO

SUNDOWN PARK EM SALOÁ /PE - AQUI A DIVERSÃO É GARANTIDA

ASSISTÊNCIA TÉCNICA EM LAVADORAS DE TODAS AS MARCAS E MODELOS

COMPRE AGORA A SUA PASSAGEM AÉREA - CLIQUE NO BANNER

FILMAGENS É COM SAMU DO DRONE, VOANDO CADA VEZ MAIS ALTO

FOTÓGRAFO PROFISSIONAL

FOTÓGRAFO PROFISSIONAL

MAMFONLINE - SITE PARCEIRO DO JB NOTÍCIA

Anuncie Aqui!

JB NOTÍCIA © Copyright 2017. Tecnologia do Blogger.