Em 20 dias, casos de chikungunya dobraram no Recife


Em 20 dias, a quantidade de casos de chikungunya confirmados no Recife duplicou. Do dia 5 de março ao dia 26 do mesmo mês, foram contabilizados mais de 300 registros da doença, saltando as confirmações para 608. Além disso, mais três mortes por essa arbovirose também se concretizaram na capital pernambucana. O Recife tem 2,4 mil casos de arboviroses confirmados neste ano e mais de 10 mil notificados.

Quando comparado o mesmo período do ano passado, houve um aumento de 5,7% nas notificações de arboviroses. Os bairros com maior coeficiente de incidência por 10 mil habitantes são, nesta ordem, Recife (482,32), Mangabeira (229,08), Cidade Universitária (197,67), Totó (110,02), Bomba do Hemetério (108,88), Ponto de Parada (104,4), Alto do Mandu (79,67), Areias (77,93), Paissandu (75,05) e Rosarinho (81,54 ).

“Neste período do ano, por causa das chuvas, é esperado o aumento de casos, pois cresce a população de mosquitos. Estamos discutindo a incorporação nas ações de controle do mosquito de ferramentas tecnológicas, como aplicativos e drones. Além de manter as atividades ininterruptas de mobilização social, mutirões, parceria com o Exército”, afirmou Cristiane Penaforte, secretária-executiva de Vigilância à Saúde do Recife.


Até então, foram notificados 31 óbitos por arboviroses, sendo 5 em janeiro, 21 em fevereiro e 5 em março, dos quais os cinco confirmados de chikungunya. Sendo quatro mulheres e um homem. Em relação à faixa etária, quatro deles tinham mais de 40 anos e um 12 anos. No mesmo período de 2015, haviam sido notificados dois óbitos suspeitos de dengue.

Diário de Pernambuco
Em 20 dias, casos de chikungunya dobraram no Recife
<center>Em 20 dias, casos de chikungunya dobraram no Recife</center>
Reviewed by Josenildo Batista on quinta-feira, abril 07, 2016 Rating: 5

MAMFONLINE - SITE PARCEIRO DO JB NOTÍCIA

Anuncie Aqui!

JB NOTÍCIA © Copyright 2017. Tecnologia do Blogger.